A Importância Pericial do Registro das Características Terapêuticas e Patológicas no Prontuário Odontológico – Relato de Caso

Autores/as

  • Rhonan Ferreira Da Silva
  • Matheus Felter
  • Pedro Henrique Moreira Paulo Tolentino
  • Livia Graziele Rodrigues
  • Michelle Gouveia Benicio Araujo Andrade
  • Ademir Franco

DOI:

https://doi.org/10.17063/bjfs7(1)y20171

Palabras clave:

Forensic Dentistry, Odontologia legal, Dental records, Registros odontológicos, Forensic Anthropology, Antropologia forense

Resumen

A identificação humana figura entre os inúmeros procedimentos assegurados legalmente ao Cirurgião-dentista. Odontolegista é o profissional que possui, além de competência legal, técnica especializada para desempenhar atividades periciais mediante as necessidades da justiça. É no processo de identificação humana que o Odontolegista busca características dentais distintivas que permitam associar dados ante-mortem (AM), provenientes de uma pessoa desaparecida, a dados post-mortem (PM), coletados durante o exame cadavérico. Estas características podem ser de ordem morfológica, terapêutica ou patológica e podem ser extraídas do prontuário odontológico. O presente estudo objetiva relatar um caso pericial de identificação humana sustentada pela comparação de características dentais terapêuticas e patológicas documentadas em prontuário odontológico. Uma ossada humana não identificada foi encontrada em região de mata no estado de Goiás. Durante o exame cadavérico, observou-se a presença de fraturas cranianas e orifícios compatíveis com projéteis de arma de fogo. Ao exame antropológico, a ossada revelou-se adulta, masculina e de estatura entre 1752 e 1803mm. O exame odontolegal apontou a presença de restaurações em resina e amálgama, perdas dentais e lesão periapical em região anterior de maxila. Por meio de busca policial, familiares da suposta vítima foram encontrados e apresentaram uma ficha clínica odontológica para comparação com os achados cadavéricos. Ambos os achados, AM e PM, coincidiram quanto aos caracteres neles contidos, resultando em identificação humana positiva. Os Cirurgiões-dentistas devem atentar para a importância do correto preenchimento, arquivamento e atualização do prontuário odontológico, uma vez que o mesmo pode respaldar necessidades da justiça, especialmente em casos de identificação humana.

Publicado

2017-09-22

Cómo citar

Rhonan Ferreira Da Silva, Matheus Felter, Pedro Henrique Moreira Paulo Tolentino, Livia Graziele Rodrigues, Michelle Gouveia Benicio Araujo Andrade, & Ademir Franco. (2017). A Importância Pericial do Registro das Características Terapêuticas e Patológicas no Prontuário Odontológico – Relato de Caso. Brazilian Journal of Forensic Sciences, Medical Law and Bioethics, 7(1), 1–11. https://doi.org/10.17063/bjfs7(1)y20171

Número

Sección

Artículo original